quinta-feira, 16 de julho de 2009

Dia de Outono (1)

Hoje está um dia muito bonito.
A rotina é fogo!
Nascí numa quinta-feira.
Nos transforma em cegos, surdos e mudos às nossas próprias mudanças.
Como alguém poderia pensar em morrer num dia como hoje?
Talvéz ninguém nem perceba a falta.
Só um gato gordo deitado no sofá, com as orelhas atentas a tudo em volta dele.
Postar um comentário